O Brasil que perdemos – Por Christopher Goulart

“Brasileiros, a hora é das reformas de estrutura, de métodos, de estilo de trabalho e de objetivo. Já sabemos que não é mais possível progredir sem reformar...” Tal convicção, pronunciada pelo presidente da República diante de 200 mil pessoas em praça pública, na data de 13 de março de 1964,

Leia mais

João Goulart: 45 anos de um crime contra o Brasil

O dia 06 de dezembro, para nós trabalhistas, é de muita comoção e lembrança. Há exatos 45 anos, João Belchior Marques Goulart, presidente deposto em um golpe civil-militar em 31 de março de 1964, era envenenado em território argentino. Crime covarde, “terrorismo de Estado”. Agressão não só contra um homem

Leia mais

Em 1964, João Goulart encampou refinarias de petróleo para emancipação econômica nacional

Ao declarar utilidade pública, presidente transferiu ações das companhias privadas para Petrobras No dia 13 de março de 1964, em um movimento nacionalista de proteção dos interesses do povo, o presidente da República, João Goulart (Jango), anunciou o decreto 53.701, que encampado refinarias de petróleo para garantir o interesse e a

Leia mais

Carta de Lisboa: símbolo de defesa dos trabalhadores brasileiros

A data de hoje é marcada por um grande ato em defesa dos trabalhadores do Brasil. Há exatos 41 anos, no dia 17 de junho, Leonel de Moura Brizola realizava, em Portugal, o “Encontro dos Trabalhistas do Brasil com os Trabalhistas no Exílio.” O evento marcou a continuidade de várias

Leia mais

O golpe de 1964 e o golpe de 2016

Duas gerações passaram desde o trágico dia do golpe militar de 31 de março de 1964, que derrubou o Presidente João Goulart mas uma, a castrada politicamente, não deixa passar em branco aquele dia do enterro da democracia, que levou 20 anos para ressuscitar. À semelhança do golpe de 1964, o

Leia mais

Entre Jango e Temer, um abismo ideológico na realização de reformas

O Brasil, ao longo de sua história, consegue apresentar fatos que marcam a vida da sua população. Em 13 de março de 1964, o então presidente João Goulart (Jango) reuniu 200 mil pessoas para apresentar, na Central do Brasil, no Rio de Janeiro, as “Reformas de Base”, importante grupo de

Leia mais