PDT vai ao STF contra discriminação indireta a mulheres em eleições do Ministério Público de São Paulo

O PDT entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) nessa terça-feira (1º), contestando regras fixadas para a eleição ao cargo de Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público de São Paulo. Para o partido, a vedação imposta a candidaturas de promotores é inconstitucional e gera discriminação indireta contra os

Leia mais