PDT mostra força e ratifica liderança no Congresso Nacional da Conam

FLB-AP/Bruno Ribeiro18/09/2017

O PDT, por meio do Movimento Comunitário Trabalhista (MCT), consolidou sua liderança no setor após a conclusão do XIII Congresso da Confederação Nacional das Associações de Moradores (Conam), que foi realizado entre os dias 14 e 16 de setembro, na sede do Sindicato dos Trabalhadores Públicos Federais em Saúde e Previdência Social (Sindsprev), em Recife (PE).

Após 25 anos ausente da Conam, o partido teve, em sua bancada, 204 delegados e se constituiu como a segunda maior força do Congresso. Com um retorno estruturado, conquistou uma presença marcante na nova executiva da entidade, com o presidente nacional do MCT, Jordaci Matos, de Goiás, na Secretaria-Geral; Augusto Miranda, de Pernambuco, na segunda Vice-Presidência, e Nice Couto, de São Paulo, na Secretaria de Educação.

Já na diretoria do Pleno foram eleitos Wendel Pinheiro, do Rio Grande do Sul; Sávio Salvador, da Paraíba; André Leal, do Maranhão; Jorge Maicon Lourenço, do Rio de Janeiro; Etevaldo Teles, de Sergipe; e Damião Silva, de Goiás.

Combate

No evento, o MCT também lançou um manifesto contra governo Temer e a favor da manutenção dos direitos do povo brasileiro. Os pedetistas também mostraram a necessidade de uma gestão comprometida com o povo.

“Ações como as terceirizações, a reformas trabalhista, previdenciária e do Ensino Médio, além da sanção da PEC 55, merecem a nossa repulsa contínua”, indica o manifesto.

Ao exaltar o intenso trabalho nas bases em todo o Brasil, os membros do partido ressaltam a importância de cada militante. “Que todos nós tenhamos consciência do nosso papel político, enquanto atores sociais, face a profunda crise política sem precedentes”, complementa o texto.