PDT desenvolve movimento cultural Darcy Ribeiro no Amazonas, Amapá e Belém

FLB-AP/Bruno Ribeiro26/09/2017

Com um planejamento de alcance nacional, o PDT segue estruturando o Movimento Cultural Darcy Ribeiro (MCDR) em todos os estados. Um novo exemplo dessa estratégia foi comprovado, durante a última semana, com a posse das direções nos estados do Amazonas, Amapá e Belém.

Com o local tomado por artistas durante a sexta-feira (21), o presidente nacional do movimento, Roberto Viana, empossou Dinaldo de Miranda, que é músico e produtor, como presidente da comissão provisória do Amapá. O evento contou ainda com diversas apresentações culturais da região. “Eles estão motivados para fazer núcleos de base como ferramenta pra construção do partido e do MCDR”, comentou, ao destacar o apoio da vice-presidente local da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP), Joelma Santos.

No sábado (22), pela manhã, Viana esteve presente no coreto do Projeto Jaraqui, na Praça Hiliodoro Balbi, no centro histórico de Manaus, para confirmar a nova direção estadual. No discurso, destacou a importância da “cultura como prática de resistência e liberdade numa perspectiva histórica e formadora de nossa soberania”, ressaltou.

Segundo Wolnei Cesar, escolhido para presidir o MCDR no Amazonas, o setor é mais do que um campo político, “é o sal da terra, a chuva e o sol que dá liga e vida as nossas lutas sociais”. A cultura no PDT terá uma força transversal, dando unidade nos projetos e propostas que o partido venha apresentar”, destacou.

O vice-presidente local da FLB-AP, Ademir Ramos, exaltou a estruturação do movimento em todo o país. “Movido pela história do professor Darcy Ribeiro, um dos maiores pensadores do Brasil, o PDT vem investindo cada vez mais na organização da cultura, pois considera a diversidade como marca de identidade nacional a se manifestar na formação do povo brasileiro”, disse.

Encerrando a série de atividades pela região Norte do país, Viana seguiu para Belém, no domingo (23), onde se reuniu com o vice-presidente da Fundação, Allan Pombo, e lideranças para realizar a posse da direção local, que será liderada pelo presidente Hylber Andrade, diretor de escola de samba e músico.  Apresentações culturais marcaram o fim da jornada pelo estado.

No próximo final de semana, o movimento realizará agendas em Goiânia.