OAB nacional também recebe relatório

“A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vai se dedicar mais a questão do voto eletrônico”, afirmou nesta quarta (14) o presidente nacional da Ordem, Ophir Cavalcante, ao receber em Brasília cópia do relatório sobre o sistema brasileiro de votação eletrônica elaborado pelo Comitê Multidisciplinar Independente integrado por cidadãos preocupados com a transparência das urnas eletrônicas em uso no país. 


Além de três dos 10 dos signatários do documento – engenheiro Amilcar Brunazo Filho, advogada Maria Aparecida Cortiz e professor Pedro Dourado Rezende – compareceram a audiência os deputados federais Geraldo Magela(PT-DF) e Janete Capiberibe (PSB-AP), e o jornalista Osvaldo Maneschy, da executiva nacional da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini, do PDT.

O mesmo relatório, que contesta um anterior preparado a pedido da Secretaria de Informática do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), foi entregue na segunda-feira ao presidente do TSE, ministro Ayres de Brito, em audiência de quase duas horas de duração que virou um minidebate sobre o assunto, com participação de toda a cúpula do TSE; ao Vice-Reitor da Universidade de Brasília, João Batista de Sousa; ao presidente da Subcomissão do Voto Eletrônico da CCJ da Cãmara Federal e ao presidente da Camara, Deputado Michel Temer (PMDB-SP)

Leia Mais no site da OAB nacional