Lupi e Manoel Dias abrem fórum do PDT no Amapá

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, ao abrir neste sábado (28/4) em Macapá o primeiro fórum ?em defesa da consolidação político-partidária? que reuniu mais de mil militantes amapaenses no Cine Imperator procedentes dos 16 municípios do estado, destacou que o PDT é o único partido brasileiro que tem projeto para o Brasil e mais do que nunca é preciso fortalecer a legenda para continuar a luta pelos trabalhadores e pelos excluídos ?que foram a razão de ser de Getúlio Vargas, João Goulart e Leonel Brizola?.

 

? Somos os herdeiros dos ideais desses três grandes brasileiros como a defesa da soberania nacional, das riquezas naturais do Brasil, dos direitos dos trabalhadores, da educação pública de qualidade e dos direitos dos negros e dos índios; por isso mesmo temos que nos capacitar cada vez mais para continuarmos a luta pela emancipação do povo ? exaltou Lupi.

 

O governador Waldez Góes, presidente do PDT-AP, tendo ao seu lado Maria Victoria Chagas, fundadora e presidente de honra do partido no Amapá; além do deputado federal e ex-senador Sebastião Rocha, vice-presidente regional ? presidiu os trabalhos do fórum que teve Lupi e Manoel Dias, presidente nacional da Fundação Leonel Brizola ? Alberto Pasqualini (FLB-AP), além de Dalva Dias, coordenadora do projeto da Universidade aberta Leonel Brizola ? como principais convidados.

 

O evento, que durou dois dias, foi organizado pela secretaria regional do partido tendo a frente Dirley Furtado da Silva, também Secretário de Mobilização e Articulação Política do PDT-AP; e Conceição Medeiros, além de Laércio Mendonça Góes. O ato de abertura, com a presença de Lupi, Manoel Dias e Waldez Goes, serviu também para empossar o novo presidente da JS-PDT no estado, Anísio Freitas, o Galo. O presidente nacional da JS, deputado Brizola Neto (RJ), não pode comparecer, sendo representado no ato pelo presidente da JS-PA.

 

O fórum do PDT-AP, que tem por lema a frase ?Cada vez mais forte?, desdobrou-se na parte da tarde com as palestras de Dirley Furtado sobre Núcleos de Base, e da vice-presidente do Movimento de Mulheres, Anésia Nunes, sobre o tema Movimentos Sociais. O fórum prosseguiu no domingo, às 8h, com a palestra ?Políticas Públicas? a cargo de Alberto Góes, também secretário especial e um dos coordenadores políticos ligados ao governador Waldez Góes; e mais relatos de experiências em políticas públicas no AP, a cargo de Keka Cantuária, Adalto Bitencourt, Alicr Matos e Antonio Farias.

 

Ainda no domingo, à tarde, o evento prosseguiu com a palestra do deputado e vice-presidente do PDT-AP Sebastião Rocha sobre o tema ?Uma Visão do Futuro?, e a parte conclusiva do evento, com trabalhos em grupos e discussões diversas sobre propostas e avaliações para o crescimento do partido no estado. O encerramento foi feito no domingo, às 18 horas, com palestra do governador e presidente do PDT-AP, Waldez Góes.

Waldez recepcionou Lupi e Manoel Dias no aeroporto de Macapá, levando-os para o Palácio Setentrião, sede do governo estadual, onde Lupi concedeu coletiva à imprensa local. De lá visitaram obras do governo estadual, como o futuro Portal do Trabalhador, concentração do atendimento aos trabalhadores de Macapá em único local; e O Centro de Atendimento ao Cidadão, onde estão concentrados todos os serviços das administrações públicas estadual, municipal e federal de interesse dos macapaenses como expedição de carteira de trabalho, identidade, pagamento de impostos, Detran, bancos, etc. De lá Waldez levou Lupi e Manoel Dias ao Marco Zero, monumento construído no local exato onde passa a linha imaginária do Equador, ou seja, ou o centro do mundo, onde se dividem os hemisférios Sul e NorteOsvaldo Maneschy