Lupi convoca imprensa e rebate acusações

O Ministro do Trabalho e Emprego e presidente Nacional do PDT, Carlos Lupi convocou a imprensa na tarde desta quarta-feira(27), em Brasília, para rebater acusações de que tem sido objeto na imprensa.

O ministro provou por meio de documentos que o noticiário tem sido parcial sobretudo quando mostrou que os recursos distribuídos pelo ministério contemplam mais organizações vinculadas a outros partidos do que ao PDT. Lupi anunciou ainda a criação de um Grupo de Trabalho para avaliar convênios celebrados entre a pasta e instituições para a qualificação de jovens e adultos, no âmbito do Programa Nacional de Primeiro Emprego. 

A equipe, formada por funcionários de carreira, vai analisar, num primeiro momento, todos os convênios que tiveram a primeira parcela de recursos liberada. Em seqüência, acompanhar e fiscalizar a execução dos convênios já assinados e os futuros.

O grupo será presidido pelo secretário-executivo substituto do MTE, Paulo Roberto dos Santos Pinto. Os demais integrantes são: Manoel Eugênio Guimarães Oliveira (Subsecretaria de Orçamento e Gestão do MTE); Ivando Pinto da Silva (Secretaria Executivo); Paulo Seabra (Gabinete do Ministerial); Rodolfo Torelly (Secretaria de Políticas Públicas de Emprego) e Chander de Araújo Costa (APE).
A equipe terá um prazo de 15 dias, que poderá ser prorrogado por mais 15, para fazer os levantamentos sobre todos os convênios celebrados 

A coletiva foi realizada no auditório do MTE ao qual compareceu quase a totalidade da bancada do partido no Congresso Nacional 

Mais detalhes