Lupi, Ciro Gomes e Manoel Dias são homenageados em Goiânia (GO)

Ascom PDT/EI

O presidente Nacional do PDT, Carlos Lupi, o ex-ministro e ex-governador Ciro Gomes (PDT-CE) e o secretário nacional do partido, Manoel Dias, receberam ontem (24) o título “Cidadão Goianiense”. A honraria, entregue aos homenageados pelo vereador pedetista Paulinho Graus (GO), em sessão solene na Câmara Municipal de Goiânia, no Goiás, na presença de outros líderes do PDT.

Ao agradecer o título, Ciro se disse horado com a homenagem e enalteceu a importância do estado de Goiás para o Brasil, sobretudo no atual cenário de crise econômica que atravessa o país.

“Quando a gente nasce em uma família, a gente nasce por obra do acaso, mas quando a gente é escolhido como filho isso significa uma responsabilidade muito grande. E eu que sou brasileiro, e que amo o Brasil, conheço a importância de Goiânia e do estado de Goiás. Goiás é um estado membro de uma região que está carregando o Brasil nas costas”, destacou.

Na oportunidade, ele também falou do governo do presidente da república interino, Michel Temer. Dentre outros pontos, ele classificou como s grave a emenda constitucional que tabela os gastos com a educação, saúde e previdência, deixando livre o gasto com juros, como a medida mais grave até aqui adotada.

“Outro grande e gravíssimo problema é a questão da entrega das riquezas nacionais, especialmente o pré-sal, que é um crime contra as novas gerações do Brasil”, lamentou Ciro.

Já Manoel Dias disse considerar o título de Cidadão Goianiense como uma responsabilidade muito grande. “Estou muito honrado e feliz e é um recarregamento das baterias para que a gente continue a lutar por um país justo e socialista”, ressaltou ele, que é natural de Criciúma (SC).