Lupi assina acordo do PDT com Partido Baath da Síria

    O presidente do PDT e Ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, recebeu nesta terça-feira(28) na sede do PDT em Brasília, o embaixador da República Árabe da Síria, Dr.Ali Diab, o secretário Adjunto do Partido Baath Árabe Socialista, Abdalah Al Ahmar e o conselheiro e ex-ministro da Informação, Mouhdi Dakhlallh. No encontro foi assinado um acordo de cooperação entre o partido Árabe Socialista e o PDT para o período 2007-2010. O acordo tem como objetivo principal estreiar os laços de amizade e melhor servir aos interesses comuns dos dois paíeses,  promovendo a troca de informações, idéias e experiências entre os dois partidos.

Durante o encontro o embaixador Ali Diab lembrou a semelhança de ideais defendidos pelos dois partidos e destacou a importância do apoio que o governo brasileiro tem dado às questões internacionais como a paz entre países árabes. Ali Diab salientou o compromisso da Síria em manter a segurança do povo iraquiano e agradeceu a sugestão dada pelo presidente Lula de participação dos países árabes na Cúpula do Mercosul.

Estiveram presentes na reunião os deputados Mário Heringer, Ademir Camilo, Sueli Vidigal, Severiano Alves, Damião Feliciano e Viera da Cunha. 

O acordo assinado entre o PDT e o partido Baath tem o objetivo de constituir relações de cooperação e amizade entre as duas instituições, com o objetivo de estreitar os laços de amizade entre os povos amigos da Síria e do Brasil, e de melhor servir aos interesses comuns dos dois países. O acordo prevê a troca de visitas de delegações oficiais entre os dois patidos objetivando troca de idéias e pontos de vista; visita de delegações especializadas; troca de publicações e documentos partidários; troca de convite para participação em congressos; além de buscarem coordenar pontos de vista em congressos internacionais. Os dois partidos também trabalharão no sentido de fortalecer as relações de amizade e cooperação entre as organizações populares e representantes da sociedade civil. 


LEIA A ÍNTEGRA DO ACORDO    

Ascom PDT/Lid