Londrina: Barbosa Neto disputa prefeitura neste domingo (29/3)

O apelo pela experiência em contraste com o sentimento de mudança, assim pode ser definido o ultimo programa eleitora gratuito na televisão do “terceiro turno” em Londrina, no Paraná, disputado entre os deputados Luiz Carlos Hauly (PSDB) e Barbosa Neto (PDT), veiculado na última quinta-feira (26/3). Pela legislação, o prazo para a realização de comícios e propaganda em radio e tevê terminou.
 
As eleições em  Londrina (Norte do Paraná) no próximo domingo (29/3) serão reforçadas com o policiamento de 400 homens de várias partes do Estado. Ela  foi convocada porque o vencedor do segundo turno, deputado estadual Antônio Belinati (PP), eleito com 138.926 votos (51,73%), teve a sua candidatura cassada pelo TRE. No total, serão 341.908 eleitores aptos nas oito zonas eleitorais da cidade, onde trabalharão 5 mil mesários.
 
Hauly e Barbosa Neto se encontraram pela última vez no estúdio da TV Coroados (RPC/Rede Globo), onde fizeram o último debate desta eleição. Até amanhã, sábado, às 18 horas, está permitida a realização carreatas, passeatas e distribuição de material gráfico. O prazo para realização de comícios terminou ontem. Numa eleição atípica, quase todas as pesquisas foram impugnadas. A última delas ocorreu no início da campanha e apontava Barbosa Neto com 39% e Hauly com 31%, mas dentro do limite da margem de erro de 4 pontos percentuais para cima ou para baixo.
 
 O senador Osmar Dias (líder do PDT no Senado) mandou avisar a imprensa paranaense que desembarcaria nesta quinta em Londrina para acompanhar o candidato Barbosa Neto (PDT), na fase final da campanha pela prefeitura. Vai dividir o palanque com o deputado estadual e ex-prefeito Antonio Belinati (PP), que também anunciou apoio ao candidato do PDT e passa a pedir votos no horário gratuito.
 
O resultado da pesquisa Ibope/RPC (TV Globo), que apontou o candidato Barbosa Neto (PDT) bem à frente de Luiz Carlos Hauly (PSDB), foi repassado pelo telefone ao prefeito Beto Richa durante a cerimônia na Assembleia. Ele desligou o celular e só fez um comentário: “É, o Barbosa está 13 pontos na frente do Hauly”. Muito se fala que o terceiro turno em Londrina antecipa o embate de 2010 para o governo, entre Osmar Dias (PDT) e Beto Richa (PSDB). Osmar se fortalece se Barbosa Neto ganhar em Londrina, o segundo colégio eleitoral do Estado.