Frente pelas Diretas Já se reúne para definir próximas ações

Liderança do PDT na Câmara28/06/2017

Representantes da Frente Parlamentar Suprapartidária pelas Diretas Já se reuniram na tarde desta terça-feira (27) na liderança do PDT na Câmara dos Deputados, para discutir o encaminhamento dos trabalhos e as próximas ações da Frente.

A lista de adesões de parlamentares à Frente e como reproduzir o movimento nos Estados também foi um dos pontos tratados na reunião.

“Precisamos ganhar capilaridade do movimento em todo o País. Uma tentativa de trazer o povo para as ruas”, afirmou o coordenador da frente, senador João Capiberibe (PSB-AP).

Capiberibe também destacou a reunião que terá no próximo dia 06 de julho no Senado Federal com parlamentares, centrais sindicais, movimentos sociais e classe artística.

“Vamos fortalecer uma rede nacional pelas Diretas Já com todas as personalidades que aderiram ao movimento. Atualmente acontece uma despolitização muito grande e a sociedade pode revelar novas lideranças políticas para o País”, afirmou.

A reunião do dia 06 vai ser muito importante para unir forças. “Vamos construir uma rede fortalecida em prol do movimento das Diretas Já”, disse João Capiberibe.

Frente

A Frente foi lançada no dia 07 de junho e é composta pelo PSB, PSOL, PDT, PT e PCdoB, mas também conta com o apoio de outros partidos, como o Podemos, Avante, Rede, PSD, PMDB e PMB.

A Frente quer fortalecer a pressão sobre o Congresso para aprovar a Proposta de Emenda à Constituição 227/16, que visa alterar a Constituição para garantir que eleições diretas sejam convocadas em caso de vacância do cargo de presidente da República até seis meses antes do fim do mandato.

No Senado, a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou, por unanimidade, no dia 31 de maio, uma proposta semelhante, que também garante a convocação de eleições diretas em caso de vacância.