Em entrevista ao programa “Poder em Foco”, Cid Gomes afirma que o brasileiro está farto de oportunismo na política


20/11/2018

Em entrevista concedida ao programa “Poder em Foco”, do SBT, o senador eleito pelo PDT do Ceará, Cid Gomes, falou sobre o posicionamento do partido, em relação ao governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, especialmente quanto ao comportamento da bancada pedetista na Câmara dos Deputados e no Senado.

Cid afirma que a intenção do PDT é fazer uma oposição diferente das que têm sido adotadas no passado, inclusive recentemente, em que determinados partidos agem de determinada forma, quando fazem parte do Governo, e na oposição, começam a criticar medidas que eles próprios adotaram quando eram da situação.

De acordo com o cearense, que foi o senador mais votado do País, com mais de três milhões de votos, o modelo de oposição que fará bem ao País é o que buscará a coerência, no qual o voto dos parlamentares da legenda sejam de acordo com as bandeiras defendidas pelo partido.

“Lá no parlamento, nós nos comportaremos como se nós estivéssemos no Governo. Aquilo que a gente faria se nós estivéssemos no Governo, nós iremos apoiar. Aquilo que a gente criticaria ou não faria se a gente estivesse no governo, nós não vamos apoiar. Essa é a síntese desse movimento”, explicou o senador, referindo-se ao bloco de oposição que o PDT deseja formar no Congresso.

Nesta entrevista, Cid também abordou a questão das pautas que estarão no centro das discussões no próximo ano, como a reforma da previdência.

Confira abaixo a entrevista, dividida em duas parte: