Deputados estaduais vão acompanhar CPI das Queimadas

CPI DAS QUEIMADAS TERÁ ACOMPANHAMENTO DE DEPUTADOS FEDERAIS

O Deputado Estadual Rafael Silva – PDT esteve reunido na semana passada com o Deputado Federal Ricardo Tripoli (PSDB), 2º Vice-presidente da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados. Durante o encontro, o parlamentar paulista apresentou os índices alarmantes da queima da palha da cana-de-açúcar no estado de São Paulo e informou que a Presidência da Assembléia Legislativa, através da publicação do Ato nº 120 de 2007, nomeará os membros efetivos e suplentes de uma Comissão Parlamentar de Inquérito que terá o objetivo de reavaliar os prazos para a eliminação gradativa da queima da palha da cana-de-açúcar.

“O Deputado Ricardo Tripoli conhe~e profundamente quais são os nossos principais problemas e mais uma vez ele demonstrou o seu compromisso em colaborar com a população, pois disse que faz questão de acompanhar toda tramitação da CPI, assim como apresentar na Câmara dos Deputados sugestões que tenham como principal objetivo melhorar a qualidade de vida da população e principalmente para os trabalhadores envolvidos com o corte de cana-de-açúcar. Disse que será o nosso porta-voz com o presidente da Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados”, afirmou o Deputado Rafael Silva.

A “CPI das queimadas” terá um prazo de 120 dias e deve ter sua primeira reunião nos próximos dias, com a escolha do presidente, vice e relator.

“Estamos ansiosos para iniciar os trabalhos. Acredito que teremos muito trabalho pela frente, pois afinal de contas é um assunto muito delicado e precisa de uma atenção especial do parlamento paulista, que por sinal pode servir de exemplo para os demais Estados”, comentou o Deputado Rafael Silva, responsável pelo requerimento que solicitou a criação da “CPI das queimadas”.

Na avaliação de Ricardo Tripoli, além de os efeitos das queimadas serem maléficos ao seres humanos, eles também atingem drasticamente o meio ambiente. “Os prejuízos dessas queimadas são ainda mais desastrosos para o meio ambiente pois milhares de toneladas de gás carbônico são jogadas na atmosfera, aumentado o efeito estufa e o aquecimento global”, destacou.

“Desde o início de minha vida pública tenho defendido com afinco a questão ambiental. Penso que todo o trabalho desenvolvido nessa linha é louvável”, completou Tripoli, ao se referir que o encontro foi extremamente proveitoso