Cristovam diz que decisões locais serão respeitadas

Em entrevista coletiva na noite de sexta-feira (25/01), o senador Cristovam Buarque (PDT-DF) reafirmou a orientação nacional do PDT, no sentido de que, nas eleições deste ano, o partido lance candidatura própria onde for possível, mas também disse que as decisões locais serão respeitadas.

“A disputa das eleições é o que fortalece o partido, mas em cada município a realidade é diferente. Não adianta, por exemplo, lançar candidato a prefeito se não houver uma boa nominata de vereadores, se o tempo de televisão acabar sendo ínfimo. Numa situação assim, é melhor fazer coligação”, ponderou, comentando ainda a possível candidatura do deputado federal Dagoberto à prefeitura: “Dagoberto é um bom nome. Se eu morasse em Campo Grande, seria meu candidato”.

O senador Cristovam Buarque esteve em Campo Grande a convite da Uniderp (Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal), onde proferiu aula magna sobre os novos caminhos da Educação Superior. Cristovam falou sobre o desafio de transformar a Universidade em centro disseminador do conhecimento e defendeu o “educacionismo” como único meio para combater a desigualdade social.

Na chegada ao aeroporto, o senador foi recepcionado pelo ex-presidente do Diretório Estadual do PDT, João Leite Schimidt, e várias outras lideranças pedetistas. Cristovam retornou a Brasília no final da manhã de sábado (26/01), depois de visitar o poeta Manoel de Barros.