CPI da Subnutrição investiga morte de índios hoje no Estado

    
A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Subnutrição Indígena da Câmara Federal desembarca logo mais às 8h30 desta quinta-feira (dia 27) em Mato Grosso do Sul. A comitiva dos deputados que investiga as mortes de crianças indígenas por subnutrição fará diligências em Dourados e em Campo Grande. A CPI, que é presidida pelo deputado Vital do Rego Filho (PMDB-PB), é integrada por três deputados sul-mato-grossenses: Waldir Neves (PSDB-MS), um dos autores da proposta de investigação; Dagoberto Nogueira Filho (PDT-MS) e Geraldo Resende (PMDB-MS).
Hoje em Dourados, os parlamentares visitam postos de saúde e médicos nas aldeias indígenas de Bororo e de Jaguapirú. A Comitiva também fará visitas à missão evangélica Caiuá, além de reunião com lideranças indígenas na Aldeia Panambizinho.
No fim desta tarde, os deputados seguem para Campo Grande, onde pretendem ouvir o responsável técnico pela saúde indígena da Funasa (Fundação Nacional de Saúde) no Estado, Zelik Trajber; a ex-deputada estadual Bela Barros, que foi relatora da CPI da Desnutrição Indígena; o procurador da República no município de Dourados Charles Stevan da Mota Pessoa; e a promotora de Justiça da Infância e Juventude Ariadne de Fátima Cantú da Silva.