Comício de Arnaldo lota praças no Centro

Nem mesmo a indefinição sobre o registro, impediu que milhares de pessoas participassem na noite de ontem do comício do candidato à Prefeitura de Campos,
Arnaldo Vianna (PDT), no Centro de Campos. Segundo estimativas dos organizadores, cerca de 20 mil pessoas lotaram as praças das Quatro Jornadas e do Santíssimo Salvador. Uma vitória no primeiro turno e os projetos para promover o desenvolvimento de Campos deram o tom do evento, que se estendeu por quase quatro anos.
Candidatos a vereador pelas coligações que apóiam Arnaldo Vianna, presidentes de partidos aliados, representantes da sociedade civil organizada, artistas e pessoas do povo se revezavam no palanque, falando das realizações do pedetista quando foi prefeito. Presente ao comício, a mãe de Arnaldo, dona Amélia, saudou o filho e pediu votos à população.
A presidente da Associação Irmãos da Solidariedade, Fátima Castro, lembrou que, embora seja prima da candidata do PMDB, Rosinha Garotinho, não podia deixar de estar presente: “Em todos os momentos em que a Casa precisou, Arnaldo sempre foi o primeiro a estar presente”, afirmou.
O ator Toninho Ferreira destacou “o incentivo à cultura do governo Arnaldo Vianna”, afirmando que “todos os projetos sérios apresentados pelos artistas locais eram aprovados”.
Presidente do Partido Verde (PV), Joca Muylaert, reafirmou a importância para Campos de um novo governo conduzido por Arnaldo em Campos.
O candidato a vice, Hélio Anomal lembrou sua trajetória no movimento sindical e as dificuldades enfrentadas na campanha: “Vamos dar a resposta dia 5, nas urnas”, afirmou.
Fechando o comício, Arnaldo Vianna falou de seus projetos para as áreas de Educação “do ensino fundamental à pós-graduação”, saúde e habitação, caso seja eleito.
— Quero fazer um governo ainda melhor, dando dignidade à população de Campos — finalizou.