Carlos Eduardo assina Carta de Adesão para realização do Campus Party em Natal

Ascom Prefeitura de Natal (RN)25/07/2017

O prefeito Carlos Eduardo Alves assinou, nessa segunda-feira (24), a Carta de Adesão e Compromisso por parte da Prefeitura do Natal para a realização do Campus Party, principal acontecimento tecnológico realizado anualmente no Brasil. O compromisso marca o início oficial das atividades em torno da realização do evento, que deve ocorrer no final de abril de 2018.

No evento, são tratados os mais diversos temas relacionados à Internet, reunindo um grande número de comunidades e usuários da rede mundial de computadores envolvidos com tecnologia e cultura digital.

De acordo com os organizadores do evento, a escolha de Natal se deve, principalmente, à adesão da capital potiguar à Rede Mundial de Cidades Inteligentes e Humanas e fomentar a implantação de um parque tecnológico, com o incentivo para a instalação de empresas de tecnologia.

Outro ponto destacado pelos organizadores do evento é o modelo educacional da cidade. Natal tem hoje um ensino médio e superior voltados para área, incentivando também o empreendedorismo e a inovação.

“É um evento atualizado, pois fala de tecnologia, informação, de uma nova indústria no mundo, e que vem para o público jovem, criando perspectiva para futuro. Natal abraça e apoia esse encontro, e junto com outros parceiros vai fazê-lo grandioso como merece ser”, destacou o prefeito Carlos Eduardo.

Para o sócio-presidente do Campus Party, Francesco Farruggia, o evento faz parte de uma revolução, proporcionando a entrada dos jovens na economia digital. Ele destacou que os trabalhos na área da tecnologia devem continuar, mesmo após o evento, devido à identificação de novos talentos e conhecimentos em inovação.

Francesco Farruggia citou, ainda, a necessidade de se transformar universidades e sistema de produção para que possam atender à nova cena da tecnologia mundial.

Tecnologia em nível mundial

O evento, presente atualmente em 20 países já teve mais 60 edições desde o ano de 1997, trará ainda grandes nomes e experiências da tecnologia em nível mundial.  O tema central a ser trabalhado nesta edição de Natal será a Astronáutica, devido a trabalhos já realizados no Centro de Lançamentos Barreira do Inferno, além de outros experimentos desenvolvidos na Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

O professor Álvaro Oliveira, presidente da rede mundial de Cidades Inteligentes e Humanas, fez uma breve apresentação sobre como funcionará o evento, afirmando que o fato da cidade da Natal parte da rede, agrega valor ao evento. “Nossa missão é que Natal seja um show case de cidade inteligente e humana fora da Europa”, afirmou.

A divulgação da realização da etapa Nordeste em Natal no próximo ano, já começa a gerar interesse por parte dos participantes, chamados de campuseiros, segundo Igor Ferreira, que representou os demais na assinatura da carta. “É algo que muda nossas vidas, nos dá outra visão, um evento como este. Esta edição é um marco não apenas para as pessoas de Natal mas para as de outras cidades do Nordeste”, avaliou.