Barbosa denuncia esterilização de mulheres indígenas

Deputado do PDT

Brasília – O deputado Barbosa Neto (PDT-PR) subiu à tribuna ontem(21), para denunciar que técnicos da Fundação Nacional de Saúde estariam empenhados numa campanha de esterilização das mulheres indígenas, lamentando ainda que muitas das crianças que têm nascido nas aldeias do Brasil morrem por desnutrição. “Desde que foram massacrados pelos colonizadores brancos ao longo dos tempos os índios brasileiros padecem de inúmeras doenças trazidos pelos invasores e a mais grave, sem dúvida, é a tragédia social. Envoltos na miséria, muitas vezes no álcool”, destacou.

Barbosa Neto prosseguiu relatando que há poucos dias, na reserva de Dourados, a 220 km de Campo Grande, Francieli de Souza, de apenas dois anos, não suportou a desnutrição. Segundo os caciques das aldeias Bororóe Jaguapiru outras crianças faleceram este ano com a mesma causa-mortis. “A morte de Francieli ocorreu poucas horas depois da visita do presidente Lula a Campo Grande”, informou ele.

Excursão à capital – Os deputados Edgar Bueno e Nereu Moura registraram durante a sessão de ontem da Assembléia Legislativa a visita à Casa de um grupo de 35 acadêmicos dos cursos de Direito e Jornalismo da Univel. Além da AL, os estudantes conheceram os tribunais de Justiça, Regional do Trabalho e o de Contas. A viagem foi organizada pelo Centro Acadêmico Amauri de Mello Queiroz.

O Paraná