Artigos

Hari Alexandre Brust
A elite não admite o povo no poder
A divisão do Brasil em capitanias hereditárias por Dom João III, em 1534, gerou em nosso país uma casta que por sua vez, produziu a atual elite dominante. Os donatários, na maioria fidalgos da corte, sem recursos suficientes para desenvolver suas capitanias, redistribuíram essas glebas através da concessão de sesmarias.
Veja a Íntegra
Robert Parry / Consortium News / Traduzido por Vila Vudu
EUA: A corrupção como arma de propaganda
“Ano passado, a USAID distribuiu um documento (fact sheet) no qual resume os próprios serviços de pagar jornalistas amigáveis em todo o mundo, inclusive para “formação e treinamento de jornalistas, desenvolvimento de negócios de mídia-empresa, construção de capacidade para instituições de apoio e reforço de ambientes legal-regulatórios para a livre
Veja a Íntegra
FC Leite Filho
'Época' e o golpe detonado pelo Panama Papers
Pelo que se depreende da leitura dos chamados Panama Papers e da edição 929, de 04/04/16, da Época , revista do Sistema Globo, o golpe de Estado light, no Brasil, vinha sendo urdido bem antes da eleição de 2014. Eu diria, em 14 de abril de 2005,  dia em que
Veja a Íntegra
Mino Carta
"Um notório criminoso decide os destinos do Brasil"
O bestialógico galopa enquanto um criminoso decide o destino do Brasil. Mas há um problema mundial... O escândalo chamado ‘Panama Papers’ cabe com encaixe perfeito entre os resultados da sujeição do mundo ao deus mercado que o papa Francisco mais propriamente definiria como demônio do dinheiro. Antes de cogitarmos de
Veja a Íntegra
Maria do Rosário
Uma Ponte para o Futuro, ou programa do golpe
  No final de outubro de 2015, em meio ao aprofundamento da crise política, em grande medida comandada por Eduardo Cunha, o PMDB, partido que integrou ao lado do PT a chapa presidencial de Dilma, em 2010 e 2014, elaborou uma proposta, em suas palavras, "para tirar o Brasil da
Veja a Íntegra
Hari Alexandre Brust
Dia 13 de março, prelúdio de novo golpe?
NO DIA 13 DE MARÇO DE 1964, o Presidente João Goulart, concluiu seu discurso na Central do Brasil no Rio de Janeiro, para mais de 200 mil pessoas conhecido como “comício das reformas”, afirmando: “Hoje, com o alto testemunho da Nação e com a solidariedade do povo, reunido na praça
Veja a Íntegra
Brasileiros vão às ruas pela democracia, por Dilma e para lembrar 64
Centenas de milhares de brasileiros foram ontem (31/3) às ruas em todo o país e nas principais capitais do mundo para se manifestar em defesa da democracia  e contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff na maior e mais expressiva celebração do aniversário do golpe militar de 1964  que, há
Veja a Íntegra
Pepe Escobar: Brasil e Rússia sob ataque de “Guerra Híbrida”[1]
“Se o veneno, a paixão, o estupro, a punhalada Não bordaram ainda com desenhos finos A trama vã de nossos míseros destinos, É que nossa alma arriscou pouco ou quase nada.” As flores do mal [1857], Charles Baudelaire, sem indicação do tradutor* _______________________________________________________ Revoluções Coloridas nunca bastariam. O Excepcionalistão vive à procura
Veja a Íntegra
Adriano Benayon: Hora de Decisão
O Brasil está em momento que exige decisão. Precisa agir rápido para reverter o desastre estrutural implantado, desde há quase 62 anos, que se completam em 24 de agosto próximo, data do golpe de Estado de 1954, a partir do qual a desnacionalização da economia não cessou de aumentar. Essa
Veja a Íntegra
José Augusto Ribeiro
A condução e a recondução de Lula
Para o conduzido, a condução coercitiva é na verdade uma prisão por algumas horas. Ele não pode recusar o convite dos condutores, não pode pedir que o carro destes o deixe na próxima esquina; não pode, na polícia, desculpar-se com o delegado e dizer que volta mais tarde porque agora
Veja a Íntegra
1 12 13 14 15 16 17