Amazonino Mendes convida empresários a lutar pela reconstrução do Amazonas

Ascom a coligação 'Movimento pela reconstrução do Amazonas' - Foto: Clóvis Miranda20/07/2017

O candidato a governador do Amazonas, Amazonino Mendes (PDT), convidou os empresários do comércio a lutar pela reconstrução do estado. O discurso se deu durante o almoço-reunião entre o ex-governador e a classe empresarial, realizado nesta quinta-feira (20), na Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL Manaus), bairro Chapada, Zona Centro-Sul.

“Vocês são a peça motriz de uma sociedade. Vocês geram emprego e renda neste estado. Infelizmente, diga-se de passagem, o estado quebrou. Virou uma bagunça. O país é bagunçado, sem ordem, e do ponto de vista estadual, também, está em desordem. O momento é de arrumar o que foi bagunçado. E vocês são condutores para levar a mensagem da reconstrução”, comentou.

Na reunião, Amazonino recebeu 12 propostas da classe empresarial a serem adotadas no governo, a partir de setembro. Entre as propostas, estão o pedido de revogação da lei que aumentou em 2% o ICMS em cima de produtos considerados supérfluos; parceira para divulgação de eventos de promoções no comércio, além de assentos em conselhos fiscais do Estado.

Amazonino se comprometeu a avaliar cautelosamente cada item apontado pelos empresários e ressaltou que irá propor alternativas para a classe.

“Podem contar comigo, na minha disposição de um apaixonado pelo Amazonas e, sobretudo, preocupado om o momento em que se encontra. Analisarei todo o pleito e os pontos em que eu não concordar, anunciarei tudo às claras”, finalizou.

O governador esteve acompanhado do candidato a vice-governador, deputado estadual Bosco Saraiva (PSDB), do deputado federal Pauderney Avelino, e do deputado estadual Adjuto Afonso (PDT).

CDLM
O presidente da CDL Manaus, Ralph Assayag, reiterou durante a reunião do candidato Amazonino com os empresários do comércio. “Como governador ou prefeito, Amazonino nunca virou as costas para um pedido de socorro da nossa categoria. Todas as vezes que fui pessoalmente na casa dele, pedir intervenção para uma situação, ele de pronto atendeu. Não posso esquecer”, declarou.