PDT-MA convoca povo para defender soberania do voto

PARTIDO DEMOCRÁTICO TRABALHISTA (PDT)

AO POVO DO MARANHÃO

O PDT do Maranhão dirige-se à população para mantê-la atenta ao julgamento que visa à cassação do mandato do governador e presidente licenciado do partido, Jackson Lago, solicitação feita ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pelo grupo político do senador José Sarney. 

Na oportunidade, o PDT agradece as manifestações de solidariedade e de apoio recebidas pelo governador Jackson Lago de homens e mulheres de todo o país, em particular dos maranhenses das mais diferentes regiões do Estado. Igualmente, o PDT agradece os movimentos populares e democráticos que repelem essa tentativa de golpe, perpetrada por quem foi derrotado nas eleições de 2006. 

Da mesma forma, o PDT ressalta o sentimento de legalidade, civismo e coragem expressado pelo povo maranhense, protagonista das mais significativas lutas nacionais e exemplo de resistência às tentativas de ultraje fulminadas pelas elites dominantes. 

O PDT, nascido do ventre da resistência popular e democrática à ditadura militar, nunca se curvou aos ditames dos poderosos e sempre identificou na organização do povo brasileiro a alternativa política para a manutenção e avanço de suas conquistas. 

Neste sentido, o PDT maranhense quer lembrar que o governador Jackson Lago foi eleito pela maioria dos maranhenses, num pleito cuja vitória foi resultado de décadas de luta por libertação.
 
Por esta razão, não há outra denominação senão golpe para designar a armação do senador derrotado José Sarney, que tenta transferir aos tribunais uma decisão que já foi tomada soberanamente pelo povo por meio do voto.
O PDT quer deixar claro que mantém respeito às autoridades constituídas e aos princípios republicanos, razão pela qual acredita na independência dos ministros que compõem o TSE.

O PDT do Maranhão, no entanto, não poderia deixar de chamar a atenção para alguns atos suspeitos como, por exemplo, a pressa com que o vice-procurador emitiu parecer num processo com mais de 30 mil páginas, pedindo ao TSE acolhimento do recurso do grupo do senador José Sarney para cassar o mandato do governador Jackson Lago. 

O PDT comunica aos maranhenses que recorre a todos os métodos legais para fazer valer a democracia e a vontade popular. Para tanto, foi contratada uma experiente banca de advogados, da qual fazem parte os ex-ministros Antonio Rezek (presidiu o STF), José Eduardo Alckmin (destacado membro do TSE) e Edson Vidigal (foi presidente do STJ) e o advogado Daniel Leite. 

Ao concluir, o PDT conclama os maranhenses para integrarem-se às organizações populares e democráticas que formam o Comitê de Defesa da Democracia. A programação encontra-se no site do PDT ( www.pdtma.org.br ) e culmina com uma vigília cívica em frente ao Palácio dos Leões, iniciada na quarta-feira, dia 18, e prolongando-se no dia seguinte, quando será o julgamento. 

Vamos à luta. Vamos dar um basta a mais essa manobra espúria de Sarney, que tenta dar o Governo do Estado de presente à filha Roseana, reinstalando o coronelismo, a oligarquia, o mandonismo e a dinastia da sua família no Maranhão.

Saudações Trabalhistas

Partido Democrático Trabalhista (PDT) – Maranhão
Deputado Federal Julião Amin – Presidente em Exercício
São Luís, 17, fevereiro de 2009

.